SERVIÇOS


1. NORMAS GERAIS


Executar as deliberações do Sr(a). Síndico(a); tratar, junto às repartições públicas (federais, estaduais e municipais) de todos os assuntos referentes ao Condomínio; opor-se a quaisquer atos contrários à Lei, à Convenção e ao Regulamento Interno do Condomínio; receber reclamações no que tange às partes comuns, e tomando as providências cabíveis;

Manter contato com o Sr(a). Síndico(a); e conselho consultivo, orientando-o no que disser respeito aos assuntos do condomínio, sob o ponto de vista administrativo e jurídico.


2. ATENDIMENTO E MANUTENÇÃO

São realizadas inspeções periódicas no edifício para verificação do funcionamento de elevadores; portões e piscinas; data de vencimento de extintores; o estado das garagens, jardins e áreas comuns, o asseio e comportamento dos funcionários, tomando as medidas necessárias de manutenção e correção.

Em casos de urgência e após a devida autorizações do Sr(a). Síndico(a), providenciarão a execução dos serviços ou obras reclamados pelo edifício.

Providenciamos os seguros de edificação do condomínio e demais seguros aprovados pelo síndico; assim como rápida licitação sobre todas as compras e serviços a serem efetuados, junto à 3 (três) empresas selecionadas.

A administradora receberá todos as faturas e providenciará todos os pagamentos.


3. PRESTAÇÃO DE CONTAS

Execução da contabilidade, com o acompanhamento diário de receitas, despesas e saldos das contas do Condomínio, com fornecimento de demonstrativos de despesas, receitas, relação de devedores, contas a pagar, saldo financeiro.

Elaboração de previsões mensais de despesas do condomínio a serem submetidas à apreciação de assembléia geral, segundo o melhor critério e tendo em vista o justo preço dos serviços e utilidades exigidos para o funcionamento adequado do edifício.
Pasta de prestação de contas encaminhada mensalmente, contendo balancetes, demonstrativos de despesas, relatório de recebidos, relatório de inadimplência e toda a documentação original que foi contabilizada no mês.


4. BOLETOS BANCÁRIOS

A CONTRATADA efetuará a cobrança das quotas de contribuição condominial aprovadas em assembléias, mediante o envio antecipado dos boletos aos proprietários e ou/ moradores, para pagamento em qualquer rede bancária até o mês do vencimento, cujo crédito será efetuado em conta corrente em nome do CONTRATANTE.


5. PAGAMENTO DAS DESPESAS

Para um maior controle de custos do Condomínio, o pagamento das despesas do prédio só serão executados dentro dos respectivos vencimentos, através de cheques, para atendimento quanto a disponibilidade do saldo bancário.
O pagamento dos salários dos funcionários será efetuado também através de cartão salário.


6. CONTA CORRENTE INDIVIDUAL

Todos os recursos do condomínio são aplicados em conta corrente individual em nome do próprio condomínio. Os recursos excedentes em conta corrente serão aplicados no mercado financeiro e sempre na própria conta do condomínio com a autorização do Sr(a). Síndico (a).


7. ASSISTÊNCIA JURÍDICA

a) A CONTRATADA através de seu Departamento Jurídico atenderá gratuitamente ao CONTRATANTE, em consultas e na orientação de natureza Jurídica relativas ao Condomínio;


b) As quotas Condominiais vencidas serão cobradas através do Departamento Jurídico da CONTRATADA, por via extrajudicial ou judicial, após 3 meses de débito, com autorização do representante legal do CONTRATANTE;


c) Para execução dos serviços referidos no item anterior, os advogados da CONTRATADA, cobrarão seus honorários, da seguinte forma:

• No judicial, à razão de 20% (vinte por cento) do valor do débito, independente da sucumbência, a serem pagos ao final da ação, deduzindo-se do total do débito recebido do inadimplente.

• Na extrajudicial, a razão de até 15% (quinze por cento) do valor do debito, que será pago pelo condômino inadimplente

• Demais ações extras judiciais a cobrança ocorrera de acordo com a necessidade de procedimentos específicos apresentado no período (notificações, atendimento em cartórios – defesa e outros), e a cobrança desses serviços seguirá a tabela da AABIC e OAB, vigentes na ocasião do evento.


8. ASSEMBLÉIAS

A) Emissão e envio aos Condôminos, de conformidade com a Convenção do Condomínio, das convocações para Assembléias Gerais Ordinárias e extraordinárias, discriminando os itens constantes das respectivas ordens do dia;
B) Abertura da lista de presenças, no livro próprio;
C) Presença e Assessoramento às Assembléias Gerais, mediante solicitação do Sr. Síndico, observando o disposto no item e, cláusula 8 deste contrato;
D) Elaboração das Atas das Assembléias, seus competentes registros e oportuno envio de cópias a todos os Condôminos;
E) Elaboração das Atas das Assembléias, seus competentes registros e oportuno envio de cópias a todos os Condôminos;
F) Execução das determinações do Síndico e das Assembléias, tais como:
- elaboração de circulares, cartas e notificações.


9. DEPARTAMENTO PESSOAL

Recrutamento e seleção de pessoal, admissão, demissão e homologação, pagamento e adiantamento de salários (recibo de pagamento), através de crédito em conta pagamento, que serão sacados através do cartão magnético pessoal (em caixa eletrônico – banco 24 hs.), recolhimento dos encargos sociais (FGTS, GPS, COFINS e PIS), emissão do CAGED (cadastro geral de empregados e desempregados) mensal, RAIS (relação anual e informações sociais) anual, cálculo e controle de férias, 13º. Salário (poderão ser provisionadas mensalmente evitando-se rateios extras).


10. TREINAMENTO DE PESSOAL

Os funcionários do Condomínio são instruídos por pessoal especializado, podendo ser encaminhados a órgãos especiais para especialização de funções e aprimoramento de acordo com as necessidades e circunstâncias, pois o bom funcionamento do prédio, depende da qualidade dos funcionários.


11. INFORMATIVOS E COMUNICADOS

Circulares dos assuntos mais relevantes relacionados com a administração de condomínios e alterações na legislação, são periodicamente enviados aos síndicos (as) para ciência e orientação.


12. HONORÁRIOS

Nossos honorários, a título de remuneração pelos serviços prestados, correspondem à uma taxa fixa e mensal, calculada em função das peculiaridades e particularidades de cada condomínio, corrigidos anualmente pelo IGP-DI da FGV ou outro índice que venha substituí-lo.


13. SÍNDICO PROFISSIONAL

Profissional habilitado, a prestar serviços atinentes às funções de Síndico do Condomínio , dentro dos preceitos da Convenção do Condomínio e Código Civil.

Atribuições:

Representar, ativa e passivamente, o condomínio em Juízo ou fora dele, praticando todos os atos em defesa dos interessados comuns, nos limites da lei, da Convenção do Condomínio e Regulamento Interno;

Exercer os atos de gestão do Edifício, no que concerne à segurança, moralidade do prédio e boa execução dos serviços de utilidade comum;

Admitir e demitir empregados, fixar seus salários, bem como transigir em matéria de indenizações trabalhistas;
Ordenar a realização das obras e serviços necessários ao bom funcionamento do edifício;

Cumprir e fazer cumprir a Convenção Condominial e os seus Regulamentos Internos, executando e fazendo executar as deliberações das Assembléias dos Condôminos;

Acompanhar a realização aos cofres públicos, pontualmente, de todos os tributos que incidam sobre o Edifício e que sejam de responsabilidade do condomínio;

Convocar Assembléias Gerais,

Representar o Condomínio, em quaisquer repartições públicas Federais, Estaduais e Municipais, especialmente junto à PMSP, Cartório do Registro de Imóveis da Capital, junto ao ministério do trabalho, ao Sindicato dos Empregados de Edifícios de São Paulo e outros, podendo substabelecer ;

Convocar reuniões com os membros do Conselho Fiscal, para prestação de contas e discutir orçamentos que estão acima de sua alçada;

Manter plantão nas dependências do Condomínio, uma visita mensal, ocasião em que ficará a disposição dos senhores condôminos para eventuais esclarecimentos de problemas atinentes ao condomínio.




• OUTROS SERVIÇOS PRESTADOS


13. CONSTITUIÇÃO DE NOVOS CONDOMÍNIOS

Assessoria na constituição de novos condomínios, providenciando a documentação obrigatória e necessária para seu funcionamento, de acordo com as exigências do código Civil, e a lei 4.591/64


15. PREFEITURA

Cadastramento, inscrição imobiliária, desmembramento de impostos, cancelamento de cadastro e contribuinte municipal, revisão de valor venal do IPTU, etc.


16. REGISTRO DE IMÓVEIS E CARTÓRIO DE REGISTROS

Convenção, elaboração e registro de regulamento interno.


17. INTERNET

- Balancete mensal;
- Atas de assembléias realizadas;
- 2ª. via de boleto bancário;
- Previsão orçamentária;


18. SUPORTE TÉCNICO DE ENGENHARIA

- Suporte e orientação técnica, com o apóio de Engenheiro Civil;
- Relatórios técnicos quando necessário;